terça-feira, 30 de novembro de 2010

Mérito lhe(s) seja dado


O Pain é (um) menino!

E é com os Parabéns ao nosso querido e estimado Dores que fazemos o centésimo vigésimo terceiro post deste mês e assim quebramos o record de Maio deste mesmo ano.

Que tenhas um dia em grande miúdo!

Grande, grande abraço e obrigadíssimo pela inestimável colaboração!

Parabéns!

Isto terá sido o quê? Dizem que se pode ter recusado a entrar, quero ver a próxima convocatória

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Quem tem medo compra um cão!

Como é que se pode comparar o poder defensivo da equipa do Inter do ano passado com a do Real deste ano? Não se pode, lá está...

Como é óbvio isto não é facil de dizer antes do jogo, mas pode-se dizer que este Real nunca conseguirá defender este Barça lá atrás. A única maneira, a meu ver e depois do jogo, é de que este Real tem que pressionar a meio campo e sair, fazer com que o jogo seja mais rápido, jogo cá, jogo lá, e se nesse dia forem melhores, ganham o jogo...

Sair a construir antes do meio campo com pressão do Barcelona? impossível, mesmo para o Madrid, pelos vistos.

E o Sérgio Ramos a mandá-los todos à merda com a mão na cara dos colegas de Selecção?

Adoro um final feliz!!!


Quantas faltas fez o Madrid na primeira parte? Pois, andou a cheirar a bola, eu cá por mim tinha 11 amarelos na primeira parte mas aqueles atuns não andavam para ali a trocar a bola. Aquilo é uma equipa de anões era bater e esperar que eles marcassem os livres para onde quisessem.

Mourinho é o maior a passar a sensação de que nada se passou :) A conferência de imprensa é tão simples que arrepia.

"Jogo muito fácil de digerir..."

O grande teste do Real não foi hoje, é amanhã... 

Real Madrid Campeão 2010/11!

;)

O melhor jogador de futebol da década!

Este gajo tornou-se impressionante! O melhor remate do mundo!

Como sempre genial

Bring it OOOOOOOOON!!! Tou cá com uma pica!




domingo, 28 de novembro de 2010

Ouch!

Sector 17 - 12ª jornada




Confesso que estava preocupado com esta ida a Aveiro. O Benfica vinha de um péssimo resultado, de uma madrugada passada num aeroporto e pouco tempo de recuperação. No entanto quando vi o onze inicial, o meu "nervoso" acalmou com a inclusão de Amorim e Cardozo. Este é, para mim, o melhor onze que Benfica pode apresentar nesta altura (só falta Aimar), no fundo, é a repetição da formula que tão bom resultado deu o ano passado.

Amorim consegue oferecer um maior equilibrio defensivo à equipa e claro, Tacuara, o "cepo" que só sabe marcar golos. (mas reparem no bom apoio frontal que dá aos ataques da equipa)

O jogo praticamente só deu Benfica, com o Beira-Mar a tentar explorar os contra-ataques através de Ronny e Leandro Tatu, mas sem nunca cair no anti-jogo. Parece-me que Leonardo Jardim tem capacidade para outros voos. O Benfica acaba a primeira-parte a ganhar 0-1 num penalty, bem marcado,(apesar de adivinhar a polémica que ai vem durante a semana) depois de 45 minutos a jogar dentro do meio-campo do Beira-Mar.

A segunda parte foi mais do mesmo, onde realço o golaço de Tacuara num remate em arco e o regresso de Saviola aos golos. Depois do 0-3 o jogo praticamente morreu, mas ficou-me na retina a maneira como o Benfica defende mal livres laterais... Se na 1ª jornada pensei que fosse apenas um "azar", com este jogo confirmei mais uma vez os meus receios. A equipa não evoluiu nada neste aspecto e acho que vamos sofrer mais golos daquele género.

Com este resultado, consolida-se o 2º lugar mas não posso deixar de referir que os problemas continuam lá, e vão continuar, no entanto também sei que uma série de vitórias pode ajudar a diluir alguns "fantasmas" e desentendimentos. Não vou ser estúpido e escrever que o campeonato está relançado quando não acredito nisso, mas acho que um 2º lugar com entrada directa para Champions e 2 Taças podem tornar a época "menos má". É preciso ser frio nesta análise, e vou continuar a apontar o dedo aos destruidores de uma grande equipa, porque este, continua a não ser o meu Benfica.

"Então xau !"

Showboat - Harry Redknapp steals the show!

Futebol Clube do Porto invencível desde 1893


Sporting 1 Porto 1

Vou começar a crónica de hoje pelas conclusões:

- O Porto mantém a invencibilidade;

- O Sporting afinal de contas tem equipa para lutar pelo título, pelo menos desde há 4 ou 5 anos atrás;

- Mais uma vez, à semelhança com o jogo com o Besiktas, o Porto decide a meio da segunda parte segurar o empate, e consegue-o. Todo o mérito para André Villas-Boas.

Com um jogo muito bem "pensado" por Paulo Sérgio, agressivo q.b. recuado q.b. inclinado para o ataque q.b., com ordens para rematar assim que possível, o Sporting lá conseguiu anular o Porto e conseguir na maior parte do encontro jogar melhor e ser mais perigoso.

Uma equipa bem organizada e compacta acima de tudo foi o que o Porto enfrentou ontem à noite. Qual a diferença entre este sporting e o Sporting dos jogos anteriores? Eu acho que é motivação. A equipa não joga motivada, não corre, não enfrenta o paços de Ferreira como enfrenta o Porto. Neste jogo o Paulo Sérgio provou que não tem controlo emocional sobre a equipa. A equipa do Sporting só joga quando é a doer, só joga quando os jogos são de alta importância, isto só significa uma coisa, não há controlo emocional sobre a equipa e a motivação só existe quando o jogo o proporciona e não quando esta deve estar lá, isto é, nos restantes jogos, nos jogos mais fáceis, nos jogos mais calmos. Acho que é evidente que não há maneira de este Sporting ser Campeão Nacional.

Relativamente ao Porto, as exibições miseráveis de Fernando, Maicon e Varela (basta ser presisonado e nada faz como tenho vindo a dizer) ditaram o desfecho do jogo. Há dias assim.
Por outro lado jogadores como Moutinho, Belluschi, e Hulk, foram completamente anulados pelos contrários. Porquê? Talvez pela exibição menos conseguida dos elementos que referi anteriormente, por ninguém se ter conseguido destacar pela positiva o que levou a que a equipa não funcionasse como deveria funcionar. Agressiva, sólida e constante. Dar também muito mérito ao Sporting e à forma equilibrada como jogou.

Mesmo com tudo isto o Porto empata o jogo. Isto é de salutar. Mais uma vez o Porto não tem uma exibição soberba e mesmo assim tem, minimamente, o controlo dos acontecimentos nas mãos, gosto disso.

Deixo outra pergunta, onde está este Sporting que faz quase tantas faltas e com tanta ou mais agressividade que o Porto? Um Maniche que bate a sério, um André Santos que faz tudo, mas mesmo tudo bem, inclusivamente dar fruta como se não houvesse amanhã, onde está esta equipa cheia de moral? Acho que respondi a isso uns parágrafos acima.

Tenho desde há muitos anos vindo a dizer que o Sporting tem equipa para lutar pelo título, se o Braga o ano passado teve, ainda por cima contra aquele Benfica, qualquer equipa do Sporting terá condições para fazer o mesmo.

Melhor em Campo: André Santos

Pontos a assinalar:

- As maçãs, que bela ideia. Não iriam matar ninguém com as belas das maças e ao nível do humor estiveram muito bem;

- O regresso de João Moutinho a Alvalade, pressionado muito forte, levou porrada q.b, pouco mais se lhe poderia exigir;

- Ruben Micael não jogou, tenho pena.

Obrigado e Bom Domingo,

The Little One


sexta-feira, 26 de novembro de 2010

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Sector 17 - Liga dos Campeões - 5ª jornada

Pensavam que ia baldar-me a escrever sobre este jogo? A verdade é que por motivos pessoais nem o vi, e ainda não fui capaz de ver nem um resumo.

Podia pegar nalgumas coisas que escrevi depois do jogo do Dragão, colar aqui e continuavam actuais. Ou então pegar no que disse após o jogo na Madeira.

Eu vi isto a acontecer em JUNHO!

Obviamente que não destilar aqui todo o ódio que tenho a algumas pessoas do Benfica, até porque estas crónicas são para falar de futebol e não disto.

Até Domingo.

PS: Perder o avião em Israel só está ao alcance de amadores. McDonalds e uma madrugada no aeroporto. Haverá melhor preparação para o jogo com o Beira-Mar ?

Adenda: Como é óbvio não me fechei numa bolha actimel, apesar de ainda não ter sido capaz de ver o jogo nem os golos. Algumas coisas que me inquietam:

- Porque sai Saviola ao intervalo?
- Como não se consegue fazer um golo em 20 cantos? Não eram as bolas paradas a grandes especialidade deste Benfica?
- David Luiz não devia ir passar uns jogos 'a bancada? Para refrescar ideias? Só não vai porque as alternativas são Sidnei e ... Fábio Faria... O míudo está com a cabeça toda feita, e eu sei de quem é a culpa.
- Porque insiste Jesus no mesmo esquema táctico do ano passado quando é óbvio, que os jogadores são de pior qualidade e não conseguem fazer o que o treinador lhes pede?

Ahahahaha este gajo é o maior!

A hitória do princípio ao fim

Top 10 golos no clássico espanhol



10

Fim de semana de Clássicos

Fica aqui prometida uma crónica de antevisão ao jogo amanhã à tarde. E faço também a do sporting, não te preocupes Zé Carlos, já estou habituado.
PS. E o look-alike com o Bruno Alves que eu vejo ali naquele jogador do Sporting? Segundo a contar da esquerda da fila de cima.

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Playing with and by the rules!

(1) - Que estariam os jogadores do Real Madrid a pensar do Xabi quando ele é expulso? É que metade deles não sabiam que queria ser expulso.

(2) - Rui Faria é tão, mas tão bom actor! Lol


terça-feira, 23 de novembro de 2010

domingo, 21 de novembro de 2010

Kabum! Zinedine Eto'o

Outro... Mas do Gallas é melhor afastares-te que levas!

Se tem falhado em Janeiro tava a jogar no Inter!

Futebol Clube do Porto a jogar na Taça de Portugal desde 1938

Moreirense 0 Porto 1

Jogo complicado este. Mais uma vez o Porto prova que tem a estrelinha de campeão, mas diga-se a verdade mereceu o triunfo. Num jogo em que o Moreirense jogou muito bem e muito bem fechado, o Porto encontrou dificuldades extremas. Num campo que não ajudava nada ao futebol praticado pela equipa azul e branca e com os jogadores sem saberem bem como encarar aquela defesa foi de facto um jogo não muito fácil a requerer muito dos jogadores, tanto física como psicológicamente

Com o Porto a atacar desde o primeiro minuto, o Moreirense fez o que pôde, nunca conseguindo concretizar as poucas oportunidades que teve de marcar na baliza de Beto.

Com uma equipa remendada mas não muito, o Porto utilizou grande parte dos titulares, não facilitou e está na próxima fase.


Pontos Positivos

A rotação de plantel


Pontos Negativos

A voz do André Villas-Boas, coitado.


Homem do Jogo

Tenho que atribuir o prémio a Falcao, entra e decide.

Obrigado e Boa Semana,


The Little One

Esta moda dos vampiros está a ir longe demais

Saturday's Top 10

No Comments

Blake Griffin

domingo, 14 de novembro de 2010

Futebol Clube do Porto a vencer desde 1893


Porto 2 Portimonense 0

Esta é uma crónica difícil de fazer. Pelo que li da crónica do Pain, não tendo visto o jogo do Benfica, o do Porto foi parecido. Morno, cinzento, sem chama. Ao contrário do Benfica, o Porto não marcou 4 golos.

Não era um jogo no qual eu tivesse grande espererança numa grande exibição, era um jogo que me metia algum medo. Depois dum jogo como o do Benfica, a psicologia envolvida num jogo destes seria decisiva.

Não gosto de fazer o resumo dos jogos mas dado o que se passou no jogo acho que o resumo vai transmitir o que se passou dentro de campo.

Primeira Parte

Entrada do Porto não tão agressiva como de costume. Um lance fruto de boa pressão, outro fruto de espaço dado pelo Portimonense mas nada do que este Porto nos tem habituado. Jogadores, não diria apáticos mas muito calmos, a jogar bem, a querer trocar a bola em demasiado, a querer jogar bonito, pouca garra, pouca velocidade no jogo.

Depois de mais um bom lance de pressão o Porto sai na frente, ganha canto e no seguimento desse canto Belluschi quase faz o primeiro.

Uma constante em todos os lances do Porto, Rúben Micael.

Em lances de canto e insistência o Porto continua a criar perigo.

Minuto 30 - Golo de Walter. E lá está, Rúben Micael na jogada, a entrar muito bem na área reservada aos avançados e a criar o golo com Walter.

Logo de seguida sobe e é ele mesmo que tenta finalizar.

O Portimonense só aos 36' chega com perigo à baliza de Helton, remate de Pedro Silva.

Segunda Parte

Entrada igualmente morna, com o Portimonense a ter três oportunidades logo no início da segunda parte, com um remate de longe, uma falha de Rolando a permitir a Kadi chegar ao lance e rematar e um livre de Ivanildo que termina na barra de Helton.

Outra constante do Porto neste jogo foi o criar de ocasiões através de bolas paradas, principalmente através de cantos. Aos 10' da segunda parte três cantos consecutivos criam algum perigo para a baliza de Ventura.

Jogo morno até Hulk fechar o marcador em 2-0 através de uma grande penalidade no último minuto.

Pontos Positivos

- Definitivamente, os 3 pontos! Jogo complicado, em que o Porto, jogando melhor ou pior, ganhou os três pontos, não desiludiu;

- Rúben Micael e Walter, grande dupla;

- Castro e Ukra. Gosto de ambos e acho que devem jogar mais vezes no campeonato agora que a diferença para o primeiro nos permite rodar certas posições da equipa;

- Com os poucos minutos que tem nas pernas, Rúben Micael é o segundo na lista de jogadores do Porto com mais assistências.

Pontos Negativos

- Varela, mais um jogo com contribuição zero para a equipa. A lesão não veio ajudar e acabou por sair sem fazer absolutamente nada;

- A falta de chama que a equipa apresentou;

- A instabilidade, referida por Villas-Boas no flash-interview, de o Porto até ao final não ter os três pontos na mão.

Rescaldo Final

Vou acreditar em Villas-Boas e dar aqui todo o crédito a Litos e à organização do Portimonense para este jogo. De facto não estiveram nada mal defensivamente e a sair no contra-ataque criaram muito perigo. O Porto podia ter feito mais mas como disse, vou dar o mérito ao Portimonense e ao seu treinador.

Melhor em campo

Rúben Micael, à frente, atrás, no meio, em todo o lado. A assistir de forma brilhante para o golo. O meu sonho continua a ser ver Rúben Micael, Moutinho, Christian e Fernando no meio campo do Porto. Mas dou todo o mérito a Belluschi e pela sua forma este ano com Villas-Boas.

Último ponto

A boa disposição de Villas-Boas na conferência de imprensa, mesmo quando, falando a sério, disse que tendo em conta as perguntas que lhe estavam a ser postas não iria comprar jornais amanhã. Estavam a colocar tudo no facto do Porto não ter feito uma exibição conseguida e na sua opinião não tinha sido o que se tinha passado. Quis deixar bem claro que encontrou um equipa que precisa de pontos para ficar na primeira liga e que tais equipas se transcendem e jogam bem.

Acho que vai ao encontro do que disse desde o início da crónica. O Porto podia ter dado mais, mas comecei por dizer que seria um jogo muito complicado de "dar mais". Como tal e com a boa organização do Portimonense há que ficar muito feliz pelos três pontos e pela exibição.

Com muitos outros treinadores o Porto hoje não tinha ganho o jogo.

Obrigado e Boa Segunda,

The Little One.

Sector 17 - 11ª jornada

Este jogo foi algo esquisito de assistir. O Benfica ganhou 4-0, não consegui ver uma exibição decente (desmintam-me se for o caso) e só festejei o golo marcado pelo verdadeiro Capitão. Esta vitória foi o ideal para recuperar alguma confiança perdida, quer dos adeptos quer dos jogadores (Onde não me incluo, como já perceberam).

O Benfica entrou em campo com o onze possivel dadas as limitações a nível de lesões e castigos e sobre este assunto gostaria de deixar a pergunta: O que foi Javi Garcia fazer a Angola se estava lesionado?

A minha falta de entusiasmo a ver este jogo não me permite uma crónica muito completa. A exibição foi q.b., num jogo repartido na 1ª parte. Realço o número reduzido de faltas e a ausência de cartões. Foi à inglesa excepto na qualidade do espectáculo.

Kardec continua a facturar e Gaitán bisou mas ainda se esconde muito do jogo ao contrário do seu compatriota Aimar. Exibição de gala e só faltou mesmo o golo...

Para terminar deixo mais uma pergunta: Quem é responsável pela dispensa de Miguel Vitor e a manutenção do Sidnei no plantel?

PS: Esta é uma crónica bastante "cinzenta" mas estou farto de campeonatos de 5 em 5 anos. Quero mais e exijo mais. Acabou-se a minha paciência para este Benfica de Vieira.

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Paul Pierce tweet of the week!

Piqué a azedo!

Depois disto, isto:

O Homem do Saldanha - RIP Sr. João

Cortesia: MM via Facebook

Veteranos 2 Dream Team 0

Olá eu sou o Pedro...

...e não me revejo mínimamente nos comentários do Miguel Guedes no Trio D'Ataque desta semana. Volta Rui Moreira, estás perdoado!

Este tipo de programas desde há muito que não me dizem nada, passa-se o tempo a falar de arbitragens e ouvem-se barbaridades sem precedente.

O Miguel Guedes passa o tempo, do alto do seu pedestal e de nariz empinado, a gozar com as pessoas que lá estão e a destilar facciosismo e regionalismo.

Boicoto!

PS. Rui Oliveira e Costa, percebes tanto de futebol como eu...em coma!

O Último Adeus!

Insultem-no à vontade

De Gea v Diarreia

Ibra és uma besta quadrada Parte 5342


quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Pára tudo que esta deu golo!

Arsenal Reserves

Loucos com Mou

Há umas semanas

Ontem contra o Murcia
Cortesia: RC

A começar e a acabar com LeBron James


Daqui fica o meu pedido de ajuda para o Pain. Este ano a ver se conseguimos, no mínimo, ir colocando as melhores jogadas da semana. Vou tentar colocar mais coisas mas sempre que quiseres e conseguires, força nisso.

O velhaco sabe tanto...

Fotos do Dia



FAIL Gigante!

Podias ter sido tu a mostrar ao Barnabéu como se faz uma trivela Quaresma...

...mas não tens cabecinha para isto, olha, já foste!

terça-feira, 9 de novembro de 2010

Desculpa aí...

Ahahaha Se era para isso mais valia estares quieto!

Gozar com o adversário não é amarelo?



E com uma declaração este gajo hoje não aparece nos escaparates!

Uma vergonha não saber o que se anda para ali a fazer e vir-se queimar um jogador perante tudo e todos por ter sido expulso com 2-0 a favor. Haja vergonha na cara!

Sporting 2 Guimarães 1, 2, 3, diga lá outra vez Paulo Sérgio.

segunda-feira, 8 de novembro de 2010

O que é que se passou aqui...

Sector 17 - Comunicado

É só para avisar que não vou escrever crónica do jogo em Angola.

Como este blog é imparcial aqui fica um bom momento com música apropriada

Esta equipa joga bonito



Capas do Dia

Devia boicotar o Showboat desta semana, não tem Belluschi v Académica

Sector 17 - 10ª jornada

A análise táctica sobre este jogo é demasiado fácil. Foi o Jesualdo que esteve no banco do Benfica. Borrou-se com o Givanildo e resolveu inventar. Vejamos:

- Mandar David Luiz para a lateral quando é mais que sabido que o CENTRAL rende muito pouco naquela posição é de génio.

- É dos livros que o Coentrão defende BEM e é muito mais forte quando vem embalado de trás. E o que Jesus resolve fazer? Colocá-lo a extremo. (Ainda bem que gastámos 8M, repito, OITO MILHÕES num substituto para o Di Maria que afinal não serve porque não é extremo)

- Colocar o Sidnei em campo. Jogador lento e pesado que, pela sua compleição fisica, obviamente precisa de jogos nas pernas para render alguma coisa. Erro crasso. Enquanto DL, quando joga a CENTRAL(!) faz bem as dobras das subidas do Coentrão, o Sidnei não faz nada. (Vão ler o que diz a imprensa inglesa sobre as últimas exibições do Miguel Vitor)

- Saviola no banco? A sério Jesus? Deves andar com algum problema com o rapaz... E qual foi a solução tirada da cartola? Aimar versão Quique Flores. E tivemos um Aimar à Quique... fraco claro!

Sabem por onde o Porto marcou os cinco golos? PELO LADO DIREITO DO SEU ATAQUE. Sintomático não?

Mas ainda não parti a loiça toda. Luisão, se fosse eu que mandasse, NUNCA mais usava aquela braçadeira. NUNCA. Não admito aquelas atitudes de falta de nível.

Depois há a fantochada das bolas de golfe. E o que me deixa mais de cabeça perdida é ouvir declarações do Vieira a dizer que ia haver surpresa se o autocarro fosse apedrejado. Qual foi? Isto? Ou é a viagem para Angola? Fosse eu, e o autocarro voltava directamente para Lisboa, deixava a Sporttv e os golfistas a mamar na quinta pata do cavalo. Mas obviamente que o Vieira não faz nada disto. Não ia deixar mal o seu amigo Oliveira com quem partilha mantas...

Para finalizar e porque tenho de fazer referência ao facto de não ter ouvido da boca de NINGUÉM um pedido de desculpas sobre este resultado. Nem treinador, nem presidente, nem Rui Costa. Aliás Jesus só falou no Hulk (e na sua incapacidade de o conseguir parar) e nenhuma referência aos erros de palmatória que cometeu. Oh mestre da táctica, foste bem rasgado pelo mestre dos powerpoints e mesmo assim não és humilde...

Obrigado Vieira por, mais uma vez, destruires uma equipa campeã. O que vale é que para o ano temos o Rodrigo para surpreender no Dragão...

Futebol Clube do Porto a chamar Jesus à Terra desde 1893



Porto 5 Benfica 0

Nesta rubrica é fácil saber por onde começar, pelo início. Pelo que, em minha opinião, decidiu este jogo.

Ao contrário de Jesus eu não acho que o Hulk tenha feito o jogo da vida dele, que o Porto tenha feito uma exibição do outro mundo, enfim, ao contrário de Jesus eu vou analisar tudo. Sim senhor o Hulk jogou que nunca mais acabou, mas porquê? Sim senhor o Porto fez um jogo fantástico, mas porquê? Okay conseguimos todos concordar que o Moutinho fez uma exibição de luxo, meteu a bola no Belluschi e este fez também um jogo fora de série, mas afinal porquê?

Jorge Jesus entra a inventar! A colocar David Luiz a travar Hulk, com Sidnei no meio, apenas com um trinco, sem Saviola, mas com Kardec (o mais fixo ponta de lança do plantel a par de Cardozo), e com Fábio Coentrão na frente. Enfim, de peito aberto, com vontade de ganhar, e fundamentalmente a tentar jogar de igual para igual com o Porto.

O Benfica entra com uma dupla pouco rotinada, como se já não bastasse o facto de a defesa do Benfica este ano sofrer bastantes golos. Entra novamente com o Javi Garcia só, entra com um defesa esquerdo adaptado (sim Jorge Jesus, adaptado, por muito que digas que não), entra com um Fábio Coentrão a ala, onde não é metade, 1/3, 1/4, 1/10 se quiserem do jogador que é vindo de trás e além disso não defendeu convenientemente, coisa que ele faz tão bem. Passou o jogo a fazer 1, 2, com os avançados e raramente teve sucesso nessa área.

André Villa-Boas entra adaptado. À primeira vista pode parecer que Villas-Boas entra como sempre, mas a mim foi-me dado a ver, pelos minutos que se seguiram ao apito inicial de Pedro Proênça que, nítida e declaradamente, o Porto deu o controlo do jogo ao Benfica. Foram imensas as vezes que os centrais do Benfica se depararam com a bola nos pés a tentar começar a organizar jogo e a partir do momento em que o tentaram fazer o Porto caiu em cima e assim teve espaço suficiente para Hulk e companhia poderem trabalhar a seu belo prazer.

Assim que vi o onze inicial do Benfica rezei para que jogássemos definitivamente mais expectantes e pareceu-me que assim o tenha feito o treinador do Porto. Fiquei deliciado com tamanha atitude Portista.

Pouco mais há a dizer depois disso. Jesus provou ser um treinador banal, pois quem erra desta maneira e quem vê o David Luiz ser mal tratado daquela maneira e não faz absolutamente nada até ao intervalo é, um treinador banal.

Os meus comentários aos posts de inicio de época e aos que se seguiram às más exibições benfiquistas, por parte do meu caro Pain, dizem que Jesus tem todo o crédito pelo que fez com a melhor equipa do campeonato o ano passado e sem grande concorrência e que este ano iria ser colocado à prova. Está a sê-lo e tem chumbado constantemente.

De salientar o facto de em conferência de imprensa Jorge Jesus ter afirmado que o que fez, foi bem feito, e que voltaria a colocar David Luiz na esquerda. E para André Villas-Boas esta ser uma vitória dele, dos seus jogadores e dos seus adjuntos, referindo o nome de todos eles.

Pontos Positivos

- Leitura táctica de Villas-Boas;

- Exibição do Porto;

- Espectaculo que antecedeu a partida por parte do público portista;

- Resultado;

- A exibição de Hulk;

- O Golão do Campeonato por Falcao, se dúvidas houvessem antes desta partida quanto ao valor do mesmo, ficou aqui explícito que é de, Classe Mundial!

Pontos Negativos

- Incidentes antes da partida com autocarro Benfiquista, para os quais proponho interdição de estádio durante uns jogos ou no próximo clássico;

- Incidentes com as bolas de golfe na baliza de Roberto, para os quais proponho interdição de estádio durante uns jogos ou no próximo clássico;

- Perguntas extremamente fracas dos jornalistas na sala de imprensa a Jorge Jesus.

Pontos Humorísticos

- O soltar de um frango na baliza de Roberto. Não faço ideia como um frango entra num estádio (direcção portista óbviamente dirá que foi...a voar) mas o incidente não é comum e de forma a "homenagear" as menos conseguidas exibições de Roberto no inicio do campeonato a ideia acabou por ser cómica.

Melhor em Campo: Givanildo Vieira de Souza, o incrível HULK!

Golo do ano - Falcao


Joga um furinho abaixo se não parece mal!

Real Madrid 2 Atlético Madrid 0

sexta-feira, 5 de novembro de 2010

Crónica de antevisão ao Clássico por The Little One e Pain


Esta semana, de forma a antecipar o Clássico Porto Benfica, The Little One e Pain resolveram fazer uma pequena antevisão do que poderá a vir a ser jogo deste domingo. Assim sendo apresentamos aqui uma crónica de antevisão ao jogo e em princípio termos igualmente um crónica pós-jogo igualmente em conjunto, só para se perceber um pouco melhor o quão respeitador e apaixonado por futebol este blog e as pessoas que para ele contribuem o são.

Futebol Clube do Porto a vencer desde 1893

Em minha opinião este é o jogo do título! 

É sem sombra de dúvida o jogo do título para o Benfica. Benfica campeão nacional, Benfica com o melhor plantel de início de época, Benfica apostado em ser Bi-campeão há já muito tempo, Benfica que está a 7 pontos do líder Porto.

Posto isto, o Porto teve esta quinta-feira, em minha opinião, uma excelente antevisão do jogo que terá este fim de semana. Uma equipa com bons jogadores como o Besiktas que procura ainda, de forma nítida, a sua identidade. Este Benfica é muito superior ao Besiktas, nem sequer se coloca a questão, mas daí dizer que foi uma boa antevisão para agora ter o verdadeiro exame. Foi bom jogar com menos um para na eventualidade de isso acontecer este fim-de-semana e já estarmos, desta forma, mais preparados do que estávamos esta quinta-feira passada.

O Porto, tenho a certeza, entrará como tem entrado. Forte, a comandar e à procura do resultado. Espero que o Benfica não jogue com dois trincos, isso traria mais consistência ao seu meio campo e não é isso que queremos. Espero que não nos deixemos adormecer pelo Benfica caso não consigamos marcar cedo. O que mais temo é que o Jesus seja inteligente, fique onde deve ficar, na retranca, e aposte no contra-ataque durante a maior parte do tempo. Nestes jogos é preciso tomar muita atenção ao facto de não se chegar ao golo, o Benfica é forte e não precisará de muitos contra-ataques para marcar na baliza portista. Caso o Jesus tente encarar este Porto de forma atrevida, nesse caso, poderei, ou não, estar enganado mas o Porto terá a vida muito facilitada. São reais as falhas meio campistas e defensivas deste Benfica 2010/11 e caso isso aconteça penso que será aproveitado ao máximo por André Villas-Boas.

Assim sendo tenho confiança na vitória do Porto, tendo sempre em atenção que é um Clássico e as mais variadas situações e resultados podem acontecer.


Gostaria de deixar algumas perguntas ao meu caro Pain.

1. Saviola + Weldon, Saviola + Kardec ou Weldon + Kardec?

Coentrão terá neste jogo muito pouca influência em minha opinião. Passo a explicar. Por ser o melhor jogador do Benfica na actualidade a atenção sobre o mesmo será redobrada. Terá muito provavelmente pela frente Hulk ou Varela, e talvez de vez enquando os dois ao mesmo tempo. A minha questão é: 

2. Como solucionar esta problemática? Peixoto na frente para ele, Fábio Coentrão, defender, atacar e ter o Peixoto a fazer as suas dobras (quase sempre com pouca ambição). Definitivamente Coentrão a ala como aconteceu no primeiro jogo da época? Ou Coentrão a defesa, a fazer o que um defesa faz, a contribuir no ataque apenas quando puder, e sem Peixoto e com um jogador mais ofensivo à sua frente?

3. Com ou sem adeptos? Como está essa situação, não sei de nada. Como foram as vendas de bilhetes na Luz?

Respondendo às questões (ver abaixo) do meu caro colega.

1. Acho que com Jesualdo seria uma questão que nos poderia trazer alguns problemas. Sendo Villas-Boas o treinador parece-me que isso não será problema visto o grau de motivação dos jogadores para este jogo estar lá bem em cima. Esse não será, em minha opinião, um facto que nos poderá prejudicar.

2. Esta é um grande questão. Pois bem, Villas-Boas melhor que ninguém saberá como se sentirá melhor a equipa e como será a melhor forma de atacar o Benfica. O inesperado neste momento e que poderia baralhar as contas ao Benfica seria de facto esperar pelo adversário, pressionar forte e sair a todo o gás. Tenho a certeza que o fará sempre que não tiver a bola, mas como esquema principal terá como objectivo atacar e tentar a todo o custo encolher ao máximo as linhas do Benfica deixando o maior espaço possível entre o Kardec e a baliza de Helton.
Respondendo directamente à questão, se eu fosse André Villas-Boas, esperaria pelo Benfica. Não conhecendo, volto a repetir, a equipa do Porto e do Benfica como o próprio conhece.


Boa sorte para o jogo meu caro Dores.

Obrigado e bom fim-de-semana,

The Little One


Sector 17


Apesar de Villas-Boas não considerar este o "jogo do título" parece-me bastante óbvio que, caso o Porto ganhe o clássico, pode encomendar as faixas de campeão. Para o Benfica torna-se decisivo vencer para ganhar uma embalagem psicológica importante para a perseguição. 

A minha equipa para o clássico seria a que entrou contra o Lyon. Sálvio e Peixoto a meio-campo com Coentrão a defesa esquerdo e Carlos Martins como número 10. Peixoto, apesar das dificuldades que possui, cobre relativamente bem o flanco para permitir as subidas de Coentrão, que é claramente mais forte, vindo de trás. Se Sálvio se exibir como contra os franceses penso que o Benfica poderá surpreender no Dragão.
Sobre a dupla atacante sem sombra de dúvida Saviola e Kardec. O argentino apesar de estar estranhamento desajeitado naquele "último toque" é sempre um jogador a ter em conta na manobra da equipa, especialmente na movimentação sem bola no espaço entre o lateral e o central.
A questão dos bilhetes é pertinente mas não queria falar sobre isso pois teria de escrever aqui uma ode Anti-Vieira. Apenas garanto que o Benfica vai ter apoio no Dragão.


Questões:


1 - Achas que a questão física no menor tempo de descanso, juntamente com aquele relvado da Académica se vai fazer sentir na disponibilidade física dos jogadores?


2 - Se tu fosses AVB, entrarias expectante, dando a iniciativa de jogo à equipa de Jesus, aproveitando a velocidade de Hulk e Varela nas alas, ou assumirias o jogo?

Pain

Golo da Semana

Normalmente nem meto aqui estes golos, mas a semana passada houve golos para todos os gostos e feitios. Vale bem a pena ver. Além disso está um golo do nosso campeonato presente.